Tudo sobre os métodos de irrigação

Tudo sobre os métodos de irrigação

23

Abr

2021

Quem é produtor rural sabe da grande importância da irrigação para a sua cultura. Aqui no blog sempre mencionamos os benefícios que ela pode trazer para a sua plantação. Mas pra quem ainda é novo no ramo e não conhece as vantagens, a gente já te explica.

A irrigação é uma técnica existente há milhares de anos, ela é utilizada para suprir as necessidades hídricas de uma área plantada em decorrência da falta de chuva ou para controlar a abundância de água. Esse método vem crescendo e sendo aprimorado ao decorrer dos séculos, chegando atualmente com sistemas pontuais, onde a água deve ser distribuída no local, momento e quantidade correta para que ocorra a evolução saudável das plantas. Esse procedimento tem como objetivo:
– Diminuir as perdas na produção;
– Reduzir os riscos meteorológicos e climáticos (estiagem e seca);
– Aumentar a produtividade;
– Ajudar na aplicação de insumos.

Também é importante saber que quando se trabalha com agricultura irrigada, é essencial estabelecer um momento certo de começar as irrigações e a quantidade de água aplicada em uma cultura. Mas também, para um bom manejo na aplicação da água, é preciso conhecer os solos, fisiologia da cultura, períodos críticos de consumo de água e seus reflexos na produtividade.

Mas é só isso?

Não. Dentro da irrigação existem os métodos, que é a maneira pela qual a água será aplicada às culturas. São basicamente quatro: por aspersão, de superfície, localizada e subterrânea. Veja abaixo a definição de cada uma.

Irrigação por aspersão:

O procedimento de aspersão funciona como uma espécie de chuva direcionada, enviando jatos de água para o ar rumo ao solo ou plantio a ser molhado. A água se transforma em gotículas sobre a área, facilitando a evolução das plantas. Neste método, o mecanismo responsável pela pulverização do jato de água mais utilizado é o Aspersor. A irrigação por aspersão é comparada a um processo natural, por isso, pode ser utilizada em diversos tipos de culturas e tipografias.

Irrigação de superfície:

Essa técnica é muito benéfica para o plantio de cereais. Aqui, a irrigação atua com diques utilizados para aguar os cultivos que estão perto. Porém, a desvantagem deste método é que ele possui uma baixa capacidade de aplicação, já que os valores de perda de água são em grandes quantidades.

Irrigação localizada:

Ela é ideal para solos mais áridos e secos. Sua aplicação é bastante eficiente e funciona da seguinte forma: a água é colocada a partir de uma mangueira pontual e exatamente no solo sobre a zona de cultivo. Dessa maneira, a terra ficará umedecida conforme a necessidade de cada plantio. O seu uso é bastante eficiente, servindo bem para o começo da produção de árvores frutíferas.
Na irrigação localizada, pode ser utilizado dois sistemas: os gotejadores, que aplicam a água em gotas, geralmente próximo a planta e os microaspersores, que distribuem micro gotas de água sobre uma pequena região setorial ou circular, onde se encontram as plantas.

Irrigação Subterrânea:

A irrigação subterrânea é encarregada de levar água, nutrientes, água e defensivos agrícolas em direção à raiz das plantações por debaixo da terra. Apesar deste método ser o mais caro de se manter, ele traz o benefício de a superfície do solo permanecer sempre seca.

Um sistema também muito utilizado pelos agricultores é a Irrigação por Nebulizadores. Eles são indicados também para a climatização, controlando a temperatura das regiões de cultivo. O nebulizador consiste na emissão de micro gotas que são pulverizadas no ar criando uma leve névoa sobre a plantação. A nebulização possui inúmeras aplicações e pode ser utilizada na conservação de estábulos, flores, granjas e muitos outros lugares.

Agora que você já conhece os principais métodos e sistemas, ficou mais fácil saber qual combina com seu tipo de plantação. Quer aumentar a sua produtividade? Conte com a Agrojet. Aqui investimos constantemente em tecnologia, garantindo a qualidade, eficiência e durabilidade de todos os nossos produtos.

Gostou? Para conhecer mais sobre os nossos produtos, clique aqui.